segunda-feira, 21 de março de 2011

mudança




e onde está escrito que temos que dançar conforme a música, que temos que seguir um padrão de comportamento, de cotidiano, de felicidade
?
e quem tem a ousadia de atirar pedra no meu teto de vidro, alegando ter uma vida longe de riscos e completamente feliz?
...
vontade de mudar de vida, ir contra a maré, ou melhor, mudar o rumo da maré... não é por ninguém, é por mim, é para me livrar desse ranço que me coloca tão pra baixo, tão inferiorizada, tão nada-eu... e é tão bom ser eu mesma no aconchego das minhas certezas e incertezas, dos meus sentimentos, das minhas loucuras mentais, das minhas missões espirituais...


vontade de sair pelo mundo, pular as ondas do mar, andar de pés descalços, optar por uma tranquilidade com a flexibilidade de poluir meus pulmões com dióxido de carbono quando eu precisar... vontade, vontade, vontade...


segunda-feira.
e que a anormalidade impere.
que continue a imperar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário